Um passado que nos assombra

 

O dia está lindo, o sol brilha forte e o céu é de um azul que encanta qualquer amante da natureza. O lugar está repleto de flores e pássaros que cantam e revoam sobre as nossas cabeças.

O lugar é um verdadeiro paraíso. As águas descem raivosas sobre as rochas, formando cachoeiras deslumbrantes. As cores se misturam e acreditamos ter conhecimento da beleza vista por Adão no Jardim do Éden.

De repente, no meio de toda essa beleza, surge um monstro, um ser horrendo, que nos ataca e procura destruir tudo ao redor.

Acordamos desesperados! Era um sonho que se transformou em pesadelo. 

Tal qual a realidade de muitas pessoas. Tudo está fruindo tranquilamente, quando o passado, como um dragão mitológico, tenta destruir tudo que nos enfeita a vida – um passado que nos assombra.

Diferente de um pesadelo, quando basta acordarmos para que ele vá embora.

A verdade é que, na vida real sonhamos acordados, e temos que enfrentar os pesadelos que nos assombram, sem a chance de que sejam apenas miragens.

A realidade é dura. Não temos sequer a oportunidade de dormir e esquecer tudo. O passado fica ali, à espreita, para nos assombrar tão logo tenha oportunidade.

Neste impasse, temos apenas uma alternativa viável. Enfrentá-lo e vencê-lo, pois, sem luta a derrota é uma certeza, com luta, a vitória é mais do que uma simples possibilidade. 

Nelson Costa